NILO GUERREIRO

sexta-feira, 27 de maio de 2011

O APAGÃO DA SEGURANÇA PÚBLICA COMEÇA A PREOCUPAR O GOVERNO .



A proposta do governo federal para regulamentar o direito de greve dos servidores de todas as esferas do poder público deve ser encaminhada ao Congresso Nacional no segundo semestre e tem, ao menos, um ponto com tudo para criar polêmica: a proibição para que integrantes de forças policiais armadas, como as polícias civil, militar, rodoviária e federal, cruzem os braços. A medida atingiria especialmente os servidores civis que executam essas funções, já que, no meio militar, a suspensão das atividades para reivindicar melhores salários e condições de trabalho é considerada insubordinação e pode gerar punições.
— Em lugar nenhum do mundo se admite greve desses segmentos, e, no Brasil, elas ocorrem, especialmente pela falta de regulamentação — afirmou o secretário de Recursos Humanos do Ministério do Planejamento, Duvanier Paiva Ferreira, após palestra na quarta edição do Congresso de Gestão Pública do Conselho Nacional de Secretários de Administração (Consad).
Outro item do projeto diz respeito aos cortes de ponto e outros prejuízos que os servidores grevistas podem sofrer. A ideia do governo é que não haja punição para a carreira $funcionário, exceto a prorrogação do estágio probatório, caso o servidor seja iniciante. No caso do corte de ponto, a intenção é buscar a negociação antes de efetuar descontos nos salários de quem deixar de trabalhar, desde que haja um acordo de reposição dos dias parados.
Com esse projeto, o governo espera resolver um problema existente desde 1988, quando foi promulgada a Constituição, prevendo o direito de greve dos servidores e uma regulamentação sobre o tema. Nesses 23 anos, a Justiça muitas vezes teve que recorrer às regras usadas para as paralisações na iniciativa privada para resolver questões ligadas às greves no serviço público
.
* O repórter viajou a convite da organização do evento - Jornal Extra -27/05/2011

quinta-feira, 26 de maio de 2011

EU SÓ QUERO SABER O QUE PODE DAR CERTO...NÃO TENHO TEMPO A PERDER.

"O SECRETÁRIO ESTADUAL DE PLANEJAMENTO E GESTÃO, SERGIO RUY BARBOSA, RECEBEU NA MANHÃ DE ONTEM, DEPUTADOS E REPRESENTANTES DOS BOMBEIROS PARA DISCUTIR O AUMENTO SALARIAL. TÉCNICOS DO GOVERNO E DA CATEGORIA TERÃO UM NOVO ENCONTRO PARA TRATAR DO ASSUNTO."




Jornal Extra - dia 26/05














MUITO SE FOI DISCUTIDO, NADA FOI RESOLVIDO, NADA FOI ACORDADO, ASSIM ENCERROU A REUNIÃO COM A PROMESSA DE UM NOVO ENCONTRO SEM DATA PREVISTA.






A CONVITE DO DEPUTADO ANDRÉ CORREA ( LÍDER DO GOVERNO) COMPARECI COM MEU CORPO JURÍDICO NA REUNIÃO MARCADA POR MEMBROS DO MOVIMENTO , DEPUTADOS E O SECRETARIO DE PLANEJAMENTO NO DIA E HORA MARCADO PELOS MESMOS. APÓS MUITA CONVERSA E NENHUM ACORDO FAVORÁVEL PARA OS BOMBEIROS RESOLVEMOS ELABORAR UMA PROPOSTA COM TODAS AS ASSOCIAÇÕES ENVOLVIDAS A FIM DE DAR UM PASSO DEFINITIVO NESTE IMPASSE QUE SO NOS DEIXA CADA VEZ MAIS EXAUSTOS . SÃO TANTAS REUNIÕES, TANTAS OPINIÕES, TANTOS ENCONTROS E DESENCONTROS ... NA VERDADE QUE AVANÇO TIVEMOS ATÉ O MOMENTO? NENHUM.






O QUE PRECISAMOS AGORA É DEFINITIVAMENTE MOSTRAR AO NOSSO GOVERNADOR QUE TODO O DESCASO, INCLUSIVE DAS ADMINISTRAÇÕES PASSADAS SÓ NOS COLOCOU EM UMA POSIÇÃO DE SATURAMENTO HUMANO, NOS FAZENDO DEFINITIVAMENTE PEDIR SOCORRO.





ESSA É A HORA E A HORA É ESSA.





DIGNIDADE ESTA SERÁ A NOSSA VERDADEIRA CONQUISTA.

REUNIÃO DAS ASSOCIAÇÕES



PARA TRAÇAR METAS RUMO AS MOBILIZAÇÕES DOS BOMBEIROS DO RIO DE JANEIRO AS ASSOCIAÇÕES DE BMS , PMS , POLICIAS CIVIS E UPPEC SE REUNIRAM NA SEDE DA ACS-CBMERJ NESTA SEGUNDA-FEIRA. OS PRESIDENTES DAS MESMAS SE MANIFESTARAM FAVORÁVEL AO APOIO CONTÍNUO DAS MANIFESTAÇÕES , APESAR DE UM PEQUENO GRUPO AINDA NÃO CONCORDAR COM ESTA UNIÃO. AMIGOS PRECISAMOS ENTENDER QUE A LUTA É DE TODOS NÓS E QUE AINDA HÁ MUITO O QUE FAZER.


APESAR DAS DIVERGENCIAS , ACREDITO QUE POSSAMOS DE AGORA EM DIANTE SEGUIR NO MESMO PROPÓSITO QUE NADA MAIS É QUE A NOSSA DIGNIDADE.

AGRADECEMOS A PRESENÇA DE TODOS.

terça-feira, 24 de maio de 2011

ATENÇÃO BOMBEIROS

ESTÃO DE PARABENS TODOS OS BOMBEIROS DO GMAR QUE HISTORICAMENTE LEVANTARAM A BANDEIRA DE LUTAS DO RIO DE JANEIRO, SENDO REALIZADO UMA REUNIÃO NA ASSOCIAÇÃO DE CABOS E SOLDADOS DO CBMERJ COM TODAS AS ASSOCIAÇÕES, FICANDO ACERTADO O COMPROMISSO DE SEGUIRMOS NAS PROPOSTAS REIVINDICATÓRIAS QUE SEJAM APROVADAS EM ASSEMBLEIA GERAL POR TODOS NOS.
NENHUM PASSO DAREMOS ATRÁS!

AS ASSOCIAÇÕES SERÃO RECEBIDAS HOJE PARA AUDIÊNCIA COM O LIDER DO GOVERNO DEP. ANDRE CORREIA.

terça-feira, 17 de maio de 2011

O ACASO NÃO EXISTE!



COINCIDÊNCIA OU OBRA DO ACASO?

"O acaso não existe. Quando alguém encontra algo de que verdadeiramente necessita, não é o acaso que tal proporciona, mas a própria pessoa; seu próprio desejo e sua própria necessidade o conduzem a isso". (Demian)...

COMISSÕES DE OBRAS E DE SAÚDE ELEGEM NOVOS PRESIDENTES

As comissões permanentes de Saúde e de Obras da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) elegeram, nesta terça-feira (17/05), seus novos presidentes.

Enquanto a Comissão de Obras ficou com o deputado Domingos Brazão (PMBD), e a de Saúde foi para o deputado Bruno Correia (PDT).

Ouça matéria na Rádio Alerj: http://radioalerj.posterous.com/comissoes-de-obras-e-saude-elegem-novos-presi


Para Brazão, sua missão à frente do colegiado será a de discutir a possibilidade de se ampliar as intervenções do Governo no território fluminense, em particular na Baixada. “Precisamos aproveitar este momento propício, uma vez que temos harmonia entre o Estado e a União e que muitas obras serão realizadas, em função dos eventos internacionais que receberemos nos próximos anos”, afirmou o parlamentar, lembrando a Copa do Mundo de 2014 e os Jogos Olímpicos de 2016. Já Bruno Correia anunciou que pretende organizar um calendário de audiências públicas e vistorias para o grupo.
“A Comissão de Saúde é uma das mais importantes da Casa e por isso a responsabilidade é muito grande. Pretendemos também criar um Disque-Saúde, para que possamos ter uma ponte com a população e, assim, podermos apurar denúncias e esclarecer dúvidas", explicou. Confira abaixo a composição das duas comissões.

COMISSÃO DE SAÚDE: Presidente: Bruno Correia (PDT) - Vice-presidente: Pedro Fernandes (PMDB)
Membros efetivos: Enfermeira Rejane (PCdoB), Miguel Jeovani (PR), Nilton Salomão (PT), André Corrêa (PPS), Claise Maria Zito (PSDB)
Membros suplentes: Janira Rocha (PSol), Rafael Picciani (PMDB), Lucinha (PSDB), Luiz Martins (PDT) e Zaqueu Teixeira (PT).

COMISSÃO DE OBRAS: Presidente: Domingos Brazão (PMDB)Vice-presidente: Nilton Salomão (PT)Membros efetivos: Coronel Jairo (PSC), Dionísio Lins (PP), Thiago Pampolha (PRP)Membros suplentes: Inês Pandeló (PT), Sabino (PSC), Robson Leite (PT), Dica (PMDB) e Xandrinho (PV)

INDIGNAÇÃO.



"A política é assim, se você não comanda acaba comandado".

SERÁ QUE ESSE FOI UM DOS MOTIVOS PARA A RECUADA DO MOVIMENTO ONTEM NA ALERJ?

...NOSSO MINISTRO PRECISAVA VER "UM RIO BONITO"... CIDADE MARAVILHOSA!



Morro do São Carlos recebe a 17ª UPP do Rio
Por Redação - 12:24:00 - 20 Views
0Share
RIO DE JANEIRO (O REPÓRTER) - O governador Sérgio Cabral inaugurou, neste terça-feira (17), a 17º Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) do estado, no morro São Carlos. A unidade atenderá também as comunidades da Mineira, Zinco e Querosene e será comandada pelo capitão Luiz Piedade.

O efetivo é composto por 240 policiais, dos quais 51 são mulheres, até agora o maior número de policiais femininas entre as UPPs. O comandante das UPPs, coronel Robson Rodrigues, informou que, futuramente, essas policiais poderão ser redistribuídas para outras unidades, a fim de reforçar a presença de mulheres em todas as UPPs.

Para o secretário de Segurança, José Mariano Beltrame, a presença das mulheres em grande número é altamente positiva. Ele acredita que o fato irá motivar as outras unidades a incorporarem mais mulheres em seus efetivos.

"Acredito, inclusive, que a presença delas irá colaborar para que tenhamos mais mulheres em outros setores do Estado – disse o secretário, garantindo que elas fazem o trabalho tão bem quanto os homens e, às vezes, com mais eficiência.

Para o comandante da UPP do São Carlos, o número expressivo de policiais mulheres sob seu comando o ajudará em seu objetivo de integração com a comunidade na prestação de serviços não apenas de segurança, com também de infraestrutura.

"A receptividade aqui tem sido muito boa. Meu objetivo é trabalhar não apenas prestando serviço de segurança, mas também em outras áreas. Nesse sentido, a presença das mulheres vai ajudar muito, porque as pessoas da comunidade se sentem mais confiantes em abordá-las do que com os homens", disse o capitão Luiz Piedade.

Polícia fluminense adere ao uso de armas não-letais

Durante a cerimônia de inauguração, o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, e a secretária-nacional de Segurança Pública, Regina Miki, entregaram uma arma não-letal chamada taser para a Secretaria de Segurança, simbolizando a entrega de uma remessa de 315 desses equipamentos, ação que faz parte do Programa Nacional de Segurança Pública (Pronasci).

Segundo o ministro, outras armas não-letais serão doados à polícia do Rio de Janeiro nos próximos meses. Essa arma ela libera um choque elétrico que paralisa os músculos de quem recebe a carga, imobilizando o agressor sem colocar a vida dele em risco. O equipamento já é usado em mais de 40 paíse, entre eles França, Inglaterra, Estados Unidos, e Austrália.

A capacitação dos policiais fluminenses será feita pelos agentes da Força Nacional de Segurança Pública. Em abril, a Secretaria Nacional já havia repassado 25 armas desse tipo para o município de São João de Meriti.

O coronel Robson Rodrigues também informou que, desde o ano passado, começou a introduzir o uso de armas não-letais, como gás de pimenta, pistola laser, entre outras, nas UPPs. Ele esclareceu que, primeiro, foi necessário realizar o treinamento dos policiais para o uso dessas armas e que, a partir deste ano, já existem grupos preparados para este fim.

E o homem, em seu orgulho, criou Deus, a sua imagem e semelhança." (Friedrich Nietzsche)


PRIMEIRO TRANSFERE, MANDA PRENDER E INCITA À DESERÇÃO ...
DEPOIS NEGOCIA INTERESSES E DESMOBILIZA O MOVIMENTO
.

O QUE PODERIA SER O “MOMENTO HISTÓRICO” PARA O RIO DE JANEIRO EM MOBILIZAÇÃO DOS BOMBEIROS MILITARES TORNOU-SE UM FIASCO POR VAIDADE DE ALGUNS DANDO A VITÓRIA EM UM PRIMEIRO MOMENTO AO GOVERNO DO ESTADO.
NÃO PODERÍAMOS TER ACEITADO AS MIGALHAS DO GOVERNO, GOVERNO QUE COM TODA A VIVÊNCIA POLITICA ARTICULOU E CONSEGUIU NO FINAL O QUE ELES QUERIAM. É LAMENTÁVEL VER COMPANHEIROS QUE NUNCA OMBREARAM COM AS ASSOCIAÇÕES RECUAREM DIANTE DE UMA PRIMEIRA PROPOSTA QUE LEVOU TODA CATEGORIA A ESTACA ZERO.
DECIDIRAM POR TODOS NÓS!
DECIDIRAM POR CONTA PRÓPRIA, POR INTERESSES PESSOAIS, POR VAIDADE, SEM OUVIR AS ASSOCIAÇÕES REPRESENTATIVAS, QUE COM ANOS DE EXPERIÊNCIA NO PROCESSO PODERIAM TER AJUDADO E MUITO NO MOVIMENTO.
E NÃO FOI POR FALTA DE TENTATIVAS DAS MESMAS, PODEM TER CERTEZA.
BOMBEIROS MILITARES, AS ASSOCIAÇÕES EXISTEM SIM, E NÃO É IGNORANDO ESTE FATO QUE IREMOS CRESCER NOS MOVIMENTOS. PRECISAMOS TER CONSCIENTIZAÇÃO, UNIÃO E CORAÇÃO LIMPO PARA ENTENDER QUE AS ASSOCIAÇÕES REPRESENTATIVAS REUNIDAS SÃO FORTES E ATRAVÉS DELAS “UNIDAS” PODEREMOS CONSEGUIR O QUE HÁ ANOS ESTAMOS ESPERANDO.
ONTEM REPRESENTANTES DAS ASSOCIAÇÕES DOS BOMBEIROS MILITARES, POLICIAIS CIVIS E MILITARES, ATRAVÉS DE UM CORPO JURÍDICO ASSINARAM E ENVIRAM AO GOVERNO DO ESTADO E AO PRESIDENTE DA ALERJ UM DOCUMENTO PARA TRATAR DEFINITIVAMENTE DOS INTERRESES DAS CATEGORIAS, NÃO VAMOS ACEITAR MIGALHAS QUE O GOVERNO COM MUITA HABILIDADE ESTA TENTANDO NOS OFERECER.
ATENÇÃO BOMBEIROS E POLICIAIS DO RIO DE JANEIRO E DO BRASIL, NENHUM PASSO DAREMOS ATRÁS, PRECISAMOS ESTAR UNIDOS OU O LEÃO INDOMÁVEL VOLTARÁ A DORMECER.
CONVOCAMOS MAIS UMA VEZ AS LIDERANÇAS DO MOVIMENTO PARA SENTAR-SE À MESA DE DISCUSSÃO COM AS ASSOCIAÇÕES, SEM VAIDADES E OFENSAS.
VAMOS ACORDAR, ESTA É A ÚNICA FORMA DE ESTARMOS UNIDOS DE VERDADE “REPELINDO INIMIGOS CANHÕES”..

sábado, 14 de maio de 2011

A VIDA DE UM BOMBEIRO E POLICIAL MILITAR VALE R$30,00 DIA. E A SUA, TEM PREÇO?



Foi decretada a prisão preventiva de cinco bombeiros-militares do RJ por causa do movimento dos Bombeiros-Militares que pedem melhores salários e condições de trabalho.

Rio - A juíza Ana Paula Monte Figueiredo Pena Barros, da Auditoria da Justiça Militar do Rio, decretou nesta sexta-feira, dia 13, a prisão preventiva dos líderes do movimento de greve dos bombeiros militares. O major Luiz Sergio Lima, os capitães Alexandre Machado Marchesini e Lauro César Botto, o 1º sargento Valdelei Duarte e o cabo Benevenuto Daciolo Fonseca dos Santos são acusados de incitamento à prática de outros crimes militares, como descumprimento de missão, deserção e recusa de obediência.

Bombeiros continuam com o protesto nesta sexta-feira Foto: Divulgação
“A prisão se dá pelo incitamento à prática de crimes militares e exposição da população carioca e fluminense até mesmo a risco de morte, e não pelo simples fato da greve em si, e muito menos pelo fato de lutarem por melhores condições de trabalho e salários”, destacou a juíza.

Ela acolheu a representação do Sub-Corregedor Interno do Corpo de Bombeiros Militares do Estado do Rio, ratificada pela promotora Isabela Pena Lucas, da 1ª Promotoria de Justiça junto à Auditoria da Justiça Militar. Segundo os autos do inquérito policial militar, os acusados, através de um movimento que, inicialmente, visava buscar por melhores condições de trabalho e melhorias salariais, passaram a promover o incitamento de outros militares, particularmente os bombeiros militares dos Grupamentos Marítimos, a cometerem diversos crimes militares.

Em sua decisão, a juíza Ana Paula Barros afirmou que tais delitos vêm causando enormes danos não só à Corporação e às instituições públicas, mas também a toda a coletividade. “Os militares aderentes ao movimento vêm abandonando suas funções de defesa civil, deixando exposta a população carioca e seus visitantes, que, por exemplo, nas praias, como tem sido noticiado em toda a mídia, não têm contado com a imprescindível presença dos guarda-vidas do G-Mar, sujeitando a risco de morte os seus freqüentadores”, disse.

A magistrada reconheceu a legitimidade das reivindicações dos militares, que merecem condições de trabalho dignas e salários compatíveis com a importância de sua função, mas ressaltou que tal fato não pode se sobrepor à vida do cidadão.

“Ante o exposto, a prisão dos ‘organizadores’ do movimento mostra-se imprescindível à garantia da ordem pública e para a manutenção dos princípios da hierarquia e da disciplina militares, que se encontram ameaçados”, completou.



PREZADOS


SERÁ QUE O GOVERNO SERGIO CABRAL NÃO TEM CONHECIMENTO DA LEI QUE FOI SANCIONADA PELO GOVERNO FEDERAL QUE PERMITE AOS POLICIAIS TEREM LIBERDADE DE EXPRESSÃO?


EM VIGOR DESDE O DIA 16 DE DEZEMBRO DE 2010, A LEI VISA OFERECER AOS PROFISSIONAIS QUE ATUAM NA ÁREA DE SEGURANÇA PÚBLICA CONDIÇÕES DIGNAS DE TRABALHO.


O INTERESSANTE É QUE DAS 67 AÇÕES DA PORTARIA QUE ESTÃO DIVIDIDAS EM 14 EIXOS TEMÁTICOS, CONSTAM ALGUNS ITENS QUE NÃO ESTÃO SENDO CUMPRIDOS, COMO: DIREITOS CONSTITUCIONAIS, VALORIZAÇÃO PROFISSIONAL, DIGNIDADE E SEGURANÇA NO TRABALHO!



"SECRETARIA DE DIREITOS HUMANOS - PORTARIA INTERMINISTERIAL N0. 2 DE 15 DE DEZEMBRO DE 2010.


NOSSOS ADVOGADOS ESTÃO A DISPOSIÇÃO PARA O QUE PRECISAREM.


DR. LUIZ HENRIQUE
103.643 (OAB/RJ.)
ADVOGADO ACS-CBMERJ
21 -9676-5855

A HORA É AGORA!

quinta-feira, 12 de maio de 2011




Coincidencia ou não, lendo matérias divulgadas neste período, onde o descaso com os Bombeiros e Policiais se torna nítido, vem uma pergunta muito clara: com quem estamos lidando na verdade?

Para exemplificar o tema, no plano de Gorverno Sergio Cabral, Item Segurança, na terceira diretriz estratégica o mesmo fala a respeito de Valorização Policial.

"Valorização do policial, englobando aspectos de atração, retenção e
motivação e se desdobra nas seguintes estratégias: proposta de uma política salarial para as polícias, revisão da jornada de trabalho das polícias; produção de um Plano de recrutamento, seleção e formação e a consolidação do Sistema de Metas dos Indicadores Estratégicos de Criminalidade."
 
O que acontece na verdade não é nada disso é sim um descaso muito grande conforme relatado abaixo:
"O governo Sérgio Cabral continua dando mostras do seu autoritarismo, além do Inquérito Policial Militar instaurado em desfavor dos Bombeiros Militares que estão lutando por salários dignos e por adequadas condições de trabalho e do fato de ter cancelado unilateralmente duas reuniões com os mobilizados (Comandante Geral + secretário de governo Wilson Carlos), agora instaura uma sindicância na Corregedoria Geral Unificada."
 
Para alguns a menira faz parte do dia a dia, o problema é que ela pode acabar prejudicando outras pessoas. Segundo uma pesquisa desenvolvida na Carolnia do Sul, nos Estados Unidos, mentirosos tem 14% menos massa cinzenta no cerebro, o que significa que eles são menos propensos a se preocuparem com questões morais. A pesquisa mostrou ainda que "essas pessoas tem características naturais que as incentiva a mentir, como habilidades verbais mais desenvolvidas. Isso faz com que elas não se sintam inibidas ao contar uma grande mentira como o restante das pessoas".
Segundo os especialistas, o acompanhamento emocional nestes casos é importante para descobrir o que esta por trás deste hábito. As vezes o motivo pelo qual a pessoa desenvolveu a mania de mentir compulsivamente é muito mais grave do que a própria mentira.
Vale ressaltar que 40% dos transtornos de conduta evoluem para o quadro de transtorno de personalidade antissocial - que engloba os sociopatas e os psicopatas.




O que nos resta é ficar atentos as evidencias.

quarta-feira, 11 de maio de 2011

BOMBEIROS E POLICIAIS NO LOCAL! 10 DE MAIO, CENTRO DO RIO DE JANEIRO.





fonte: blog Cel Paul

BAHIA, CEARÁ, PARANÁ, ALAGOAS, MINAS GERAIS E AGORA RIO DE JANEIRO! LEÕES INDOMÁVEIS, BRAVOS HOMENS EM BUSCA DA SUA DIGNIDADE.


ACONTECEU!


CERCA DE 3.500 BOMBEIROS E POLICIAIS DO RIO E GRANDE RIO SE REUNIRAM ONTEM, 10 DE MAIO PARA UMA GRANDE MANIFESTAÇÃO EM REIVINDICAÇÃO DE MELHORES SALÁRIOS E DIGNIDADE PROFISSIONAL.

A forma que o Governador trata os Bombeiros é realmente desagradável, foram muitas as tentativas de aproximação junto ao Comandante do CBMERJ, inclusive com pauta de reivindicações constando de melhorias de salários e condições de trabalho a cumprimento das diretrizes interministerial dos direitos humanos dos trabalhadores da Defesa Civil e Segurança Pública.
Inadmissível é acreditar que o Governador desconhecia os fatos, pois em entrevista a uma rádio no Rio o mesmo fez um comentário desprezando o movimento, onde comentou que o movimento era apenas de meia dúzia de gatos pingados.
Senhor Governador, poderia ser apenas um Bombeiro Militar no movimento, mas ele com certeza seria o “Indomável Leão” representando toda a tropa.

terça-feira, 10 de maio de 2011

É HOJE!

AS ASSOCIAÇÕES REPRESENTATIVAS DE CLASSE DOS BOMBEIROS MILITARES E POLICIAIS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO, ATRAVÉS DE SEUS PRESIDENTES, CONVIDAM PARA O ATO CÍVICO E DEMOCRATICO QUE SE REALIZARÁ NO DIA 10 DE MAIO - TERÇA-FEIRA AS 14 HORAS NAS ESCADARIAS DA ALERJ.
CONTAMOS COM O APOIO DE TODOS OS SERVIDORES DA SEGURANÇA PÚBLICA DE NOSSO ESTADO DIVULGANDO O MOVIMENTO E PARTICIPANDO DO MESMO.

VALE RESSALTAR QUE ESTE MOVIMENTO CLAMA POR MELHORES CONDIÇÕES DE TRABALHO E FINANCEIRA, E O COMANDO GERAL DO CBMERJ INSISTE EM NÃO RECEBER AS ASSOCIAÇÕES DE CLASSE REPRESENTATIVAS, BEM COMO OS MEMBROS DO FORUM PERMANENTE UNIÃO PACIFICA PELA PEC 300.

DIGNIDADE, UM DIREITO NOSSO!

sábado, 7 de maio de 2011

A LUTA NUNCA ACABOU... A CADA ETAPA TEMOS UMA MISSÃO E DESAFIOS A VENCER, ASSIM VAMOS FAZENDO A NOSSA HISTÓRIA.

“Há homens que lutam um dia, e são bons; há homens que lutam por um ano, e são melhores; há homens que lutam por vários anos, e são muito bons; há outros que lutam durante toda a vida, esses são imprescindíveis.”(Bertold Brecht)

quinta-feira, 5 de maio de 2011



PEC 300 É AGORA!

RESPOSTA DO DEPUTADO ARNALDO FARIA DE SÁ !
Deputado que luta pelas necessidades do povo que merece nos representar!
Parabens Deputado Arnaldo!
Vamos juntos!
Dep. Arnaldo Faria de Sá

Visando esclarecer melhor a real situação da PEC 300, passamos a informar:
Após reunirmos com o Presidente da Casa, conseguimos do mesmo a leitura em Plenário de ATO da PRESIDENCIA que criou a Comissão Especial destinada a analisar as propostas que tratam da segurança pública, dentre elas a PEC 300 de nossa autoria. São várias pec´s, a 308, a 300, 549, 534 dentre outras.

1.º A PEC 300 será, agora, analisada pela Comissão Especial destinada a analisar as propostas que versem sobre a Segurança Pública.
2.º As indicações partidárias já estão sendo realizadas, segue abaixo sua atual composição.
3.º Tão logo sejam realizadas todas as indicações, cobraremos da Presidência a instalação dessa Comissão.

Conte com nosso trabalho, pela rápida agilização aos trabalhos dessa Comissão.


Arnaldo Faria de Sá
Deputado Federal - São Paulo
AUTOR DA PEC 300

Gabinete: Atendimento Previdenciário
Avenida Engenheiro George Corbisier n.º 1.127
Bairro Jabaquara
04345-001 São Paulo SPTelefone 11.50118285 Fax 11.5011.3911
E-mail: deputadoarnaldo@hotmail.com

Brasília - Gabinete Parlamentar
Câmara dos Deputados Anexo IV Gab 929
70160-900 Brasília DF
Telefone 61.3215.5929 Fax: 3215.2929
Blogger: http://deputadoarnaldo.blogspot.com/

Site: www.deputadoarnaldofariadesa.com.br


(Última Atualização: 03/05/2011 10:19:00)

Composição por ordem de indicação
Comissão Especial destinada a analisar as Propostas de Emenda à Constituição que versem sobre Segurança Pública. - CESEGUR
TITULARES
SUPLENTES
PT
4 vagas
4 vagas
PMDB
4 vagas
4 vagas
PSDB
3 vagas
3 vagas
PP
2 vagas
2 vagas
DEM
Mendonça Prado DEM/SE (Gab. 508-IV)
2 vagas
1 vaga
PR
Lincoln Portela PR/MG (Gab. 615-IV)
(Deputado do PTdoB ocupa a vaga)
Ronaldo Fonseca PR/DF (Gab. 382-III)
1 vaga
PSB
Givaldo Carimbão PSB/AL (Gab. 732-IV)
Keiko Ota PSB/SP (Gab. 523-IV)
Gonzaga Patriota PSB/PE (Gab. 430-IV)
Pastor Eurico PSB/PE (Gab. 369-III)
PDT
Vieira da Cunha PDT/RS (Gab. 711-IV)
1 vaga
Bloco PV, PPS
1 vaga
1 vaga
PTB
Arnaldo Faria de Sá PTB/SP (Gab. 929-IV)
José Augusto Maia PTB/PE (Gab. 758-IV)
PSC
1 vaga
1 vaga
PCdoB
Delegado Protógenes PCdoB/SP (Gab. 745-IV)
Perpétua Almeida PCdoB/AC (Gab. 625-IV)
PRB
Otoniel Lima PRB/SP (Gab. 370-III)
1 vaga
PRP
Jânio Natal PRP/BA (Gab. 587-III)
Chico das Verduras PRP/RR (Gab. 671-III)
PTdoB
Lourival Mendes PTdoB/MA (Gab. 937-IV) - vaga do PR

quarta-feira, 4 de maio de 2011

APAGÃO NA SEGURANÇA PÚBLICA - RJ

ATO CÍVICO-DEMOCRÁTICO.


BOMBEIROS MILITARES , POLICIAIS MILITARES E CIVIS ESTIVERAM REUNIDOS NESTA QUARTA-FEIRA NO CENTRO DO RIO DE JANEIRO, JUNTAMENTE COM AS ASSOCIAÇÕES REPRESENTATIVAS DE CLASSES ONDE FICOU DECIDIDO POR UNANIMIDADE O AVANÇO NAS REIVINDICAÇÕES DAS CATEGORIAS DE SEGURANÇA PÚBLICA E DEFESA CIVÍL QUE ACONTECERÁ DIA 10 DE MAIO AS 14 HORAS NA ALERJ.

O IMPORTANTE NESTE MOMENTO É QUE TODOS ESTEJAM JUNTOS NESTE MOVIMENTO.

UPPEC 300 - REUNIÃO - APOIO À MOBILIZAÇÃO DOS BOMBEIROS E POLICIAIS MILITARES.

A UPPEC 300 foi criada para unificar as mobilizações na luta pela PEC 300 no Rio de Janeiro.O trabalho foi avançando e atos públicos foram realizados, como o culto ecumênico realizado na ALERJ, dias atrás. O ganho de terreno fez com que os mobilizados resolvessem agregar as entidades de classe de Bombeiros e de Policiais Militares, iniciativa que se concretizou nesta quarta-feira, ao longo de uma reunião no Centro do Rio de Janeiro.Além dos integrantes do movimento UPPEC 300, de Bombeiros e Policiais Militares convidados, compareceram os seguintes representantes de entidades classistas:- Coronel PM Rabelo (AME/RJ e ASSINAP).
- Coronel BM Moura ( Associação de Oficiais do CBMERJ).
- Subtenente BM Guerreiro (Associação de Cabos e Soldados do CBMERJ).
- Subtenente BM Moura (Associação de Subtenentes e Sargentos do CBMERJ)
.- Sargento BM Rodrigues (ONG Galeria de Heróis).
A partir da presente data às mobilizações pela aprovação da PEC 300 no Rio de Janeiro serão desenvolvidas por esse fórum permanente, inclusive a viagem das caravanas para Brasília no dia 31 MAI 2011.A atual mobilização dos Bombeiros e dos Policiais Militares do Rio também foi tema da reunião, tendo sido aprovado o apoio das associações aos mobilizados, inclusive com o assessoramento jurídico, algo indispensável diante das represálias do governo Sérgio Cabral, que se nega a qualquer negociação.As associações e os mobilizados da UPPEC 300 estarão na ALERJ no dia 10 MAI 2011, participando do ato cívico-democrático previsto para começar às 14:00 horas.
JUNTOS SOMOS FORTES!
PAULO RICARDO PAÚL
PROFESSOR E CORONEL
Ex-CORREGEDOR INTERNO